Quinta-feira, 04 de Junho de 2020
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1074
Menu

CADERNO DA CIDADANIA >

Mestre Dines faz 80 anos e 60 de jornalismo

Por Ricardo Kotscho em 06/03/2012 na edição 684

“O problema do mundo de hoje é que as pessoas inteligentes estão cheias de dúvidas e as pessoas idiotas estão cheias de certezas.” (Do poeta alemão Henry Charles Bukowski Jr., citado no convite enviado aos amigos pela jornalista Norma Couri, mulher do homenageado.)

Quando estava começando a trabalhar na profissão, nos anos 60 do século passado, ele já era chamado de mestre pelo seu belíssimo trabalho como editor-chefe do Jornal do Brasil, que ajudou a transformar na época na mais bem feita e influente publicação da imprensa brasileira.

Por isso, e porque depois ficamos amigos, embora nunca tenhamos trabalhado juntos na mesma redação, registro com muita alegria esta data importante para todos os jornalistas de ofício: hoje [5/3], o carioca Alberto Dines comemora, em São Paulo, 80 anos de idade e 60 de jornalismo.

Não é muito comum, afinal, alguém do nosso ramo tão cheio de obstáculos e incertezas chegar a esta idade e com tanta quilometragem rodada em plena atividade, trabalhando ao mesmo tempo em rádio, televisão e internet, escrevendo artigos para jornais, fazendo pesquisas na Unicamp e comandando o seu Observatório da Imprensa.

Um exemplo

Muito já se escreveu nos últimos dias sobre a sua vida e a sua obra, mas não poderia deixar de prestar aqui esta singela homenagem a um colega de profissão que transformou o jornalismo numa arte em defesa da vida e fala dela sempre com o entusiasmo de um iniciante.

Algum tempo atrás, passei uma tarde inteira com Eduardo Ribeiro e sua equipe do Jornalistas & Cia. ouvindo Dines contar a história do menino que queria fazer cinema e acabou se tornando, ao lado de Cláudio Abramo e Mino Carta, um dos três mais importantes jornalistas brasileiros da segunda metade do século 20 – e continua sendo.

Saí do seu escritório na Vila Madalena cansado de tanto ouvir, mas feliz por encontrar alguém mais velho, que continua batalhando diariamente e bota fé no futuro do jornalismo porque não se deixou levar pela onda de cinismo e arrogância dos tempos atuais.

Não importam a plataforma, os modismos de cada época, o veículo: Alberto Dines será sempre Alberto Dines, um jornalista que acredita no que faz e é um exemplo de competência e dignidade para todos nós.

Valeu, grande Dines!

***

[Ricardo Kotscho é jornalista]

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem