Terça-feira, 26 de Maio de 2020
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1074
Menu

FEITOS & DESFEITAS >

Foro privilegiado no TSE

Por Alberto Dines em 12/11/2013 na edição 772

Um mínimo de solenidade oferece aos eventos a indispensável transcendência. Informalidade e bagunça só favorecem o descaso. Mas o convite emitido pela Assessoria de Cerimonial da Presidência do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para a posse do novo presidente e seu vice (Marco Aurélio Mello e Dias Toffoli, respectivamente) vai ao extremo oposto. Lembra Versailles e Maria Antonieta.

O envelopão com o timbre em relevo veio pelo Sedex e contém o vistoso convite da presidente do TSE, Carmen Lúcia, acompanhado por uma senha para a entrada no Auditório II, Setor Azul, mais um mapa em cores com a localização dos diferentes ambientes onde ocorrerá a cerimônia (curiosamente sem qualquer alusão ao tal Auditório II) e um cartazete para colocar no pára-brisa do automóvel do convidado. Todas as peças mencionam a posse dos ministros, portanto foram impressas expressamente para a ocasião.

Isso em tempos de poupança, despesas contigenciadas e pouco mais de um mês depois do papelão desempenhado pelo TSE no embargo ao registro da Rede Sustentabilidade da senadora Marina Silva.

Temperança, meritíssimos: tanto os Black Blocs como os sans-culottes abominam pompas e fausto. Querem Justiça, nada mais do que isso.

******

 

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem