Sábado, 04 de Julho de 2020
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1074
Menu

MONITOR DA IMPRENSA >

A morte anunciada na hora errada

08/06/2010 na edição 593

Na semana passada, a internet ficou agitada com a notícia de que John Wooden, o legendário técnico de basquete que levou a UCLA a 10 títulos nacionais em 12 anos, havia morrido aos 99 anos. No Twitter, foram publicadas centenas de frases de Wooden. O site do Washington Post chegou, na quinta-feira [3/6], a colocar uma manchete simples e direta em sua home: ‘John Wooden morre aos 99’.

No entanto, descobriu-se que Wooden ainda estava vivo, embora em condições graves, no Centro Médico UCLA, noticia Cate Doty [New York Times, 3/6/10]. Marc Dellins, diretor de informações esportivas, confirmou o estado grave de Wooden, mas a pedido da família do técnico, não fez maiores comentários. Segundo a KLTA-TV, ele não teria comido nos últimos dias e estaria muito doente.

Assim como os relatos de sua morte, a notícia de que ele ainda estava vivo circulou rapidamente na rede. Sua página na Wikipedia foi editada por usuários mais de 10 vezes em 10 minutos (e então fechada apenas a administradores). O Post removeu a manchete incorreta, mas deixou um slide show da vida de Wooden, com o esclarecimento: ‘Esta galeria foi incorretamente publicada com uma manchete alegando que John Wooden havia morrido. Ele está no hospital, segundo diversos relatos’.

O técnico morreu na noite de sexta-feira [4/6], de causas naturais.

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem