Quinta-feira, 09 de Julho de 2020
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1074
Menu

MONITOR DA IMPRENSA >

Aplicativo do Times não permite acesso a site

01/06/2010 na edição 592

Em sua batalha contra o conteúdo gratuito na internet, Rupert Murdoch, dono do grupo de mídia News Corp, usa todas as armas possíveis. O magnata já anunciou a cobrança dos sites notíciosos de sua empresa, implicou com os agregadores de notícias online e, agora, partiu para a cobrança dupla. O jornal britânico Times, da News Corp, lançou seu aplicativo para o iPad, tablet da Apple, no fim da semana passada. Preço: 9,99 libras por 28 dias. O diário também cobrará, em breve, pelo acesso a seu site. Preço: 1 libra por dia, 2 libras por semana ou acesso gratuito com a assinatura da versão impressa.

Mas o leitor que baixou o aplicativo e pagou 10 libras por um mês não tem acesso ao site. O conteúdo, basicamente, é o mesmo. O sistema de pagamento, não. Houve quem questionasse se o problema era a incompatibilidade entre o sistema de pagamento da News Corp e o do iTunes, loja virtual onde são vendidos os aplicativos para os produtos da Apple. Mas o jornal Financial Times, da Pearson, também usa um sistema diferente do da Apple e, mesmo assim, disponibilizou aos leitores uma plataforma onde é possível fazer o pagamento único.

Um porta-voz do Times esclarece que o sistema de pagamentos não é o problema. A ideia é cobrar duplamente mesmo: ‘A edição do Times para o iPad é um produto separado do novo site, e é por isso que o preço é diferente. Trata-se de uma edição da versão em papel desenvolvida especificamente para o iPad, e que pode ser baixada e lida offline, por exemplo’. Informações de Robert Andrews [PaidContent, 28/5/10].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem