Quinta-feira, 04 de Junho de 2020
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1074
Menu

ENTRE ASPAS >

BBB inova para tentar reverter baixa audiência

09/02/2011 na edição 628


Portal Vermelho, 7/2/11


Mariana Viel


Nem globais aguentam a falta de graça e o baixo nível do BBB11


A baixa audiência do Big Brother Brasil 11 – que amarga desde a estreia o pior índice da história do reality show – tem obrigado Boninho a inventar o que não existe para tentar atrair a atenção dos telespectadores. A média das primeiras semanas do programa alcançou 26 pontos no Ibope da Grande São Paulo – abaixo dos 31 pontos registrados na décima edição, considerada a pior até então.


Na tentativa de ressuscitar a edição, o diretor já tentou de tudo: paredão quádruplo com direito a duas eliminações de uma só vez; entrada de dois novos participantes; a construção de uma casa de vidro em um famoso shopping carioca para dar a chance de um dos cinco primeiros eliminados retornarem ao programa e até a intervenção de Bial apelando para os participantes ‘curtirem a vida dentro da casa’.


A situação do BBB é tão dramática que o programa se tornou alvo de críticas de globais. A eliminação da transexual Ariadna, logo no primeiro paredão do programa, rendeu manifestações do autor de novelas Agnaldo Silva.


No Twitter ele escreveu: ‘Alguém falou e eu concordo: tirar Adriana do BBB é o mesmo que matar o protagonista da novela no primeiro capítulo. Fica sem graça!’


Em seguida, o dramaturgo postou: ‘Quem é que vai causar agora no BBB? Aquele bando de homens com cara de quem não lava as partes há vários dias? Sem graça!’


Agnaldo Silva chegou a desafiar o diretor, em tom de brincadeira, a dar um jeito no programa: ‘Eu se fosse o Boninho virava a mesa, trazia a bicha de volta e, quando me perguntassem porquê, eu responderia: ‘por que eu quero, po**a’!’


Em entrevista ao Jornal da Tarde, nesta segunda-feira (7), o ator José Wilker – que acumula um currículo de 55 novelas, 49 filmes e 30 peças – afirmou que o programa é entediante. ‘Eu não gosto mesmo. Eu vi o Big Brother na casa de amigos. Aquilo me entedia um pouco. Na verdade, se trata de trabalhar com personagens pobres. E a coisa do dinheiro, em função de um comportamento, acaba nivelando as pessoas por baixo. Nada contra, mas eu não apostaria muito nisso’, afirmou o ator.


 


 


Folha de S. Paulo, 10/2


Keila Jimenez


De olho no público, canal fashion falará sobre bebês


O GNT engravidou, comprou casa nova e, claro, quer sempre discutir a relação e renovar o guarda-roupa.


De olho nos interesses do seu público (mulheres das classes A/B, com idades entre 25 e 34 anos) o canal pago de ‘mulherzinha’ vai renovar sua programação.


Entre as novidades, que estreiam a partir do dia 21 de março, está o ‘Mãe & Cia’, comandado pela ex-’Happy Hour’ Diana Bouth. A atração falará sobre gravidez e assuntos relacionados a saúde e educação infantil.


Um programa sobre decoração também integra o pacote: ‘Nos Trinques’, apresentado pelo jovem designer Guto Requena.


Julia Petit apresentará um programa sobre tendências, batizado de ‘Petiscos’.


A faixa nobre da nova grade do GNT agora será redividida por dias e assuntos, por exemplo: às segundas, moda, às terças, gastronomia…


Os formatos mais antigos do canal também sofrerão mudanças. O ‘GNT Fashion’ seguirá sob a batuta de Lilian Pacce, mas ganhará uma jovem blogueira como repórter, uma espécie de ‘it girl’.


Patricya Travassos terá alguns novos colaboradores no ‘Alternativa Saúde’.


Cynthia Howlett fará um reality sobre perda de peso, o ‘Perdas e Ganhos’ e no ‘Superbonita’, sai Alice Braga e entra Luana Piovani.

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem