Segunda-feira, 13 de Julho de 2020
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1074
Menu

ENTRE ASPAS >

Le Monde procura compradores

04/06/2010 na edição 592

O controle jornalístico de quase 60 anos do Le Monde pode estar com seus dias contados. A administração do jornal francês afirmou em nota na capa da edição de quinta-feira [3/6] que pretende vender suas ações majoritárias na empresa. A publicação foi fundada em 1944 sob os princípios de independência política e econômica e seus jornalistas controlam a maioria das ações da companhia Le Monde S.A., por meio de uma estrutura complexa de acionistas. Eles têm, por exemplo, o poder de demitir o editor-chefe e o publisher. O publisher Eric Fottorino garantiu aos leitores, no entanto, que a independência do jornal continuará intacta, não importa quem for o comprador.


O jornal de centro-esquerda teria entre os possíveis compradores o grupo Nouvel Observateur, que é proprietário de uma revista semanal; a companhia espanhola Prisa, proprietária do El Pais; o suíço Ringier, que publica o Le Temps; e uma empresa estrangeira que não quis ter seu nome divulgado. Uma decisão sobre o novo proprietário deverá ser tomada em um encontro dos acionistas, marcado para dia 14/6.


Entre quedas de tiragem e lucros publicitários, o Monde chegou a pegar, no ano passado, um empréstimo de US$ 30,6 milhões para financiar suas operações. Desde 2008, foram cortados 130 cargos – incluindo 70 jornalistas – e vendidas publicações que estavam dando prejuízo. Informações de Max Colchester [Wall Street Journal, 4/6/10] e da AP [3/6/10].


Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem