Segunda-feira, 13 de Julho de 2020
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1074
Menu

MONITOR DA IMPRENSA >

Parlamento aprova fortalecimento de lei de mídia

22/06/2010 na edição 595

O parlamento da Islândia aprovou por unanimidade, na semana passada, mudanças na legislação de mídia do país para fortalecer o princípio de proteção de fontes e diminuir a vulnerabilidade de jornalistas diante de processos por difamação. A ideia é que, com um novo aparato de proteção à liberdade de imprensa e expressão, a Islândia seja identificada como um refúgio para repórteres e empresas jornalísticas.

A medida tem como objetivo principal ampliar a credibilidade do país. Há dois anos, a Islândia foi atingida por um grave colapso econômico impulsionado por negócios sigilosos de bancos combinados à falta de regulação e fiscalização, o que resultou em uma dívida nove vezes maior que o PIB da ilha de pouco mais de 300 mil habitantes. Agora, o país quer se tornar exemplo de transparência em todos os setores. ‘Isso vai mudar o jeito como o mundo nos vê’, diz a legisladora Brigitte Jonsdottir, ressaltando que o fortalecimento de leis de liberdade de expressão irá restaurar a confiança na nação.

Em 2008, a corrupção que levou à crise econômica foi, em grande parte, revelada por jornalistas estrangeiros. Para críticos, a situação mostrou que a relação entre a imprensa nacional e o governo havia se tornado confortável e acomodada demais. Segundo eles, ficou clara a necessidade de implementar o acesso a informações públicas e a proteção a informantes. Informações de Roy Greenslade [Guardian.co.uk, 18/6/10].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem