Domingo, 27 de Setembro de 2020
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1074
Menu

A construção da mentira

Por Alberto Dines em 10/08/2010 | comentários

Bem-vindos ao Observatório da Imprensa.

O jornalista vai atrás dos fatos e, muitas vezes, tropeça nos factóides. A palavra significa pseudo fato, acontecimento falsificado que, pela repetição, tende a ser aceito como verdadeiro. Foi aparentemente criada pelo escritor e jornalista americano, Norman Mailer e hoje incorporou-se ao jargão internacional. O factóide é filho de um sistema midiático que se expande tão agressivamente e cria deformações tão fortes que poucos conseguem identificá-las.

O culto pelos modismos, o incensamento das assessorias de imprensa, a obsessão com a criação de celebridades, a transformação de garotas-propaganda em jornalistas, a confusão entre comunicação e propaganda e entre jornalismo e show-bizz são algumas das enfermidades que tornaram obrigatória a criação de um sistema de imunização contra a consagração da mentira.

Hoje vamos contar a história de um gigantesco factóide criado justamente para acionar os alarmes contra a invasão dos factóides. É extremamente divertido mas faz pensar.

Todos os comentários

Programas Anteriores

1 2 3 4 5 última

1 de 815 programas exibidos

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem